Volume atômico

Você está aqui

A organização dos átomos na estrutura cristalina influencia o volume atômico de um elemento
A organização dos átomos na estrutura cristalina influencia o volume atômico de um elemento

Curtidas

0

Comentários

0

por Diogo

Compartilhe:
Por Diogo Dias

O volume atômico é uma propriedade periódica dos elementos químicos. Todavia, antes de um estudo mais detalhado sobre o assunto, é necessário deixar bem estabelecidos alguns conceitos importantes.

Denomina-se de volume o espaço que uma determinada matéria ocupa. Já o volume atômico é a relação estabelecida entre a massa de um mol de átomos e a densidade da substância simples (elemento químico) que esses átomos formam. Assim, o volume atômico pode ser calculado com a seguinte fórmula:

VA = M
         Ds

  • VA = Volume atômico

  • M = Massa molar

  • Ds = Densidade da substância

Como é praticamente impossível determinar o volume (espaço) ocupado por um átomo, utiliza-se no volume atômico a quantidade de 1 mol de átomos do elemento químico (substância em questão) pelo fato de que, em 1 mol, há 6,02.1023 átomos.

Além da quantidade de átomos e da densidade da substância, o estudo do volume atômico também leva em consideração a estrutura cristalina dos átomos. Isto ocorre porque, ao formar a rede cristalina, os átomos podem estar mais ou menos compactados (próximos).

É possível ter uma ideia sobre o volume atômico apenas fazendo uma análise de sua posição na Tabela Periódica. Veja o esquema a seguir:

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Volume atômico cresce de cima para baixo e do centro para a extremidade
Volume atômico cresce de cima para baixo e do centro para a extremidade

Com base no esquema proposto, o volume atômico cresce de cima para baixo e sempre do centro para as extremidades.

Ao relacionar o volume atômico e a Tabela Periódica, podemos fazer comparações entre os volumes atômicos dos elementos. Veja alguns exemplos:

  • Lítio e Césio

O césio apresenta maior volume atômico que o lítio porque, mesmo que estejam na mesma família, o césio está posicionado mais abaixo do lítio.

  • Ferro e Potássio

O potássio apresenta um volume atômico maior que o do ferro porque, mesmo que eles estejam localizados no mesmo período, o potássio está localizado na extremidade da Tabela e o ferro está mais centralizado.

  • Bário e Astato

Não podemos determinar qual desses elementos apresenta maior volume atômico porque ambos estão localizados nas extremidades da Tabela Periódica (famílias IIA e VIIA, respectivamente). O volume cresce do centro para as extremidades.


Por Me. Diogo Lopes Dias

Curtidas

0

Comentários

0

por Diogo

Compartilhe: