Grau de dissociação das bases

Você está aqui

O grau de dissociação das bases é uma grandeza matemática utilizada para determinar a capacidade de condução de corrente elétrica em uma solução que contém uma base.

Quando uma base é adicionada à água, de acordo com o químico sueco Arrhenius, ela sofre o fenômeno da dissociação (liberação de íons), e a quantidade de íons liberada é expressa por uma grandeza denominada grau de dissociação (α).

Equação representando a dissociação de uma base
Equação representando a dissociação de uma base

Ao dissociar, a base libera um cátion (metálico-Y+ ou o amônio-NH4+) e o ânion hidróxido (OH-1), e a quantidade liberada desses íons é indicada pelo grau de dissociação. Assim, quanto maior o grau, mais a base irá dissociar e maior será a quantidade de íons liberados na água.

Baseando-se nesse fato, foi criada uma fórmula para calcular o grau de dissociação de uma base, na qual o número de unidades dissociadas é dividido pelo número de unidades adicionadas em água.

Fórmula

Interpretação do grau de dissociação das bases

O grau de dissociação é a grandeza utilizada para expressar a força de uma base, ou seja, sua capacidade de conduzir corrente elétrica, a qual depende da quantidade de íons liberados na dissociação.

Obs.: Quanto maior a quantidade de íons em água, maior a sua capacidade em conduzir corrente elétrica.

Sempre que o grau de dissociação for calculado, deve-se, em seguida, multiplicar o resultado por 100, pois essa grandeza apresenta-se como porcentagem. Por meio dessa porcentagem, é possível determinar a força da base segundo os critérios a seguir:

  • Base forte: quando o α for maior que 5 % (mais de 5% das unidades da base adicionadas em água dissociam, ou seja, há mais íons na água);

    Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)
  • Base fraca: quando o α for menor ou igual a 5% (5% ou menos das unidades da base adicionadas em água dissociam, ou seja, há poucos íons na água).

Exemplos de cálculo de dissociação das bases

1º Exemplo: Uma certa base YOH possui cerca de oito moléculas dissociadas em água quando 60 são adicionadas em água. Qual o seu grau de dissociação?

Como três unidades da base foram dissociadas, de 60 adicionadas na água, para determinar o grau de dissociação, basta utilizar os valores fornecidos na expressão a seguir:

α = no de unidades dissociadas
     no de unidades adicionadas

α =
     60

α = 0,05

ou

α = 5 % (ao multiplicar o valor encontrado por 100)

2º Exemplo: Quando 300 unidades de uma base são adicionadas em água, porém apenas 90 delas são dissociadas, qual a classificação que essa base deve receber?

O enunciado informa que 90 unidades da base foram dissociadas, de 300 adicionadas na água, para determinar o grau de dissociação, basta utilizar os valores fornecidos na expressão a seguir:

α = no de unidades dissociadas
no de unidades adicionadas

α = 90 
     300

α = 0,3

ou

α = 30 % (ao multiplicar o valor encontrado por 100)

Como o grau de dissociação da base é maior que 5 %, ela deve ser considerada forte.


Por Me. Diogo Lopes Dias





Videoaulas relacionadas:

Alfa é a letra utilizada para representar o grau de dissociação das bases
Alfa é a letra utilizada para representar o grau de dissociação das bases
Por Diogo Lopes Dias

Curtidas

0

Compartilhe:
Artigos Relacionados