Alcinos

<

Você está aqui

Curtidas

0

Compartilhe:
Por Jennifer Rocha Vargas Fogaça

Os alcinos ou alquinos são compostos orgânicos cujas cadeias são formadas somente por átomos de carbono e hidrogênio, acíclicos (de cadeias abertas), com uma ligação tripla entre dois carbonos. Portanto, seu grupo funcional é dado por:

O exemplo mais conhecido de alcino é o acetileno, cuja fórmula está representada abaixo:


Fórmula do acetileno (etino)

Esse composto é um gás pouco solúvel em água, mas bastante solúvel em solventes orgânicos. Ele pode ser obtido colocando o carbeto de sódio ou carbureto (CaC2) para reagir com água. O carbureto pode ser obtido por meio do calcário e de carvão:

1ª etapa: Obenção do carbureto:

*Aquecimento do calcário: CaCO3(s) → CaO(s) + CO2(g)

* Aquecimento do óxido de cálcio com o carvão: CaO(s) + 3C(s) CaC2(s) + CO(g)

2ª etapa: Produção do acetileno: CaC2(s) + 2 H2O(l) → C2H2(g) + Ca(OH)2(aq)

Antigamente, esse gás era muito usado em lanterna para exploração de cavernas, chamadas de lanternas de carbureto. Mas tinha o incoveniente do cheiro exalado ser desagradável. O acetileno é um gás tóxico que pode causar dores de cabeça e dificuldades respiratórias.

Hoje suas principais aplicações são em maçaricos de oxiacetilênicos, pois, ao entrar em combustão, produz uma chama azul que chega a 3000ºC que é usada para soldar e cortar metais; além de ser matéria-prima na produção de fibras têxteis, borrachas sintéticas e plásticos, tais como os polímeros PVA (poliacetato de vinila - usado na produção de cola e gomas de mascar) e PVC (policloreto de vinila – usado em tubos para encanamento de água e esgoto, fraldas, cortinas, toalhas de mesa, sapatos e roupas de couro sintético, película para embalar alimentos, bandejas etc).

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

Os alcinos são também chamados de hidrocarbonetos acetilênicos porque todos são derivados do acetileno. Com exceção do acetileno, todos os alcinos são inodoros e incolores.

A nomenclatura desses compostos segue as mesmas regras estabelecidas para os alcanos e alcenos, com a única diferença de que o infixo que indica a tripla ligação é “in”. Veja alguns exemplos:

No caso de alcinos ramificados, a insaturação (tripla ligação) deve vir na cadeia principal e a numeração deve começar da extremidade mais próxima da insaturação, e não da ramificação.

Exemplos:

Todos os alcinos seguem a fórmula geral: CnH2n-2 (em que n é igual a qualquer número inteiro), que é a mesma dos dienos.
Exemplos:





Aproveite para conferir nossas videoaulas relacionadas ao assunto:

Curtidas

0

Compartilhe: