Classificação das cadeias carbônicas

As cadeias carbônicas podem ser classificadas em: abertas ou fechadas, normais ou ramificadas, saturadas ou insaturadas e homogêneas ou heterogêneas.
Imprimir
Texto:
A+
A-

Existem milhões de compostos orgânicos cujas estruturas formadas principalmente por átomos de carbono são chamadas de cadeias carbônicas. Essas cadeias carbônicas podem ser classificadas de acordo com quatro critérios principais:

  • Fechamento da cadeia,

  • Disposição dos átomos,

  • Tipos de ligação e

  • Natureza dos átomos.

Leia também: Classificação do carbono – critérios e nomenclatura

Classificação de acordo com o fechamento da cadeia

As cadeias dos compostos orgânicos diferenciam-se muito.
As cadeias dos compostos orgânicos diferenciam-se muito.
  • Abertas

São também chamadas de acíclicas e de alifáticas. Esse tipo de cadeia tem duas extremidades ou mais e não possui ciclo nem anel aromático. Exemplos:

  • Fechadas

Também são chamadas de cíclicas, porque seus átomos de carbono ligam-se, formando um ou mais ciclos ou anéis aromáticos, não possuindo nenhuma extremidade livre. Exemplos:

Exemplos de cadeias carbônicas fechadas.
Exemplos de cadeias carbônicas fechadas.

As cadeias fechadas, por sua vez, subdividem-se em dois grupos:

→ Aromáticas: são aquelas que possuem pelo menos um anel benzênico, mostrado abaixo:

Estrutura do anel benzênico
Estrutura do anel benzênico

→ Não aromáticas: não possuem anel benzênico.

Não pare agora... Tem mais depois da publicidade ;)

  • Mistas

Possuem uma parte aberta com pelo menos uma extremidade e também possuem uma parte cíclica. Exemplos:

Exemplos de cadeias carbônicas mistas.
Exemplos de cadeias carbônicas mistas.

Classificação de acordo com a disposição dos átomos na cadeia

  • Normal

Também chamada de cadeia reta ou linear, esse tipo de cadeia apresenta apenas duas extremidades. Exemplos:

  • Ramificada

Possui mais de duas extremidades. Exemplos:

Leia também: Nomenclatura das cadeias ramificadas

Classificação de acordo com os tipos de ligações entre os carbonos

  • Saturadas

Quando as ligações entre os carbonos são apenas ligações simples. Exemplos:

  • Insaturadas

Quando possui pelo menos uma dupla ou tripla ligação entre carbono. Exemplos:

Classificação de acordo com a natureza dos átomos que existem na cadeia

  • Homogênea

Se na cadeia carbônica não houver nenhum outro tipo de átomo entre os carbonos. Exemplos:

  • Heterogênea

Se houver pelo menos um átomo de outro elemento entre dois carbonos da cadeia, isto é, um heteroátomo.

Exemplos das classificações

Agora observe as cadeias carbônicas abaixo e como elas podem ser classificadas:

Exemplos de classificação de cadeias carbônicas.

Resumo sobre a classificação das cadeias carbônicas

Classificação das cadeias carbônicas.
Classificação das cadeias carbônicas.

Por Jennifer Rocha Vargas Fogaça